Fortes chuvas causam estragos em Teófilo Otoni; prefeitura decreta situação de emergência

0
385
Ao lado da PRF, na BR 116 caiu uma árvore e um poste

As fortes chuvas que caíram na noite de segunda-feira (21/8), em Teófilo Otoni, inclusive chuva de granizo e fortes ventanias, causaram grandes estragos em diversos bairros da cidade, e muita preocupação. Ruas ficaram alagadas, principalmente em alguns pontos que já são crônicos, como bairros Marajoara, Grão Pará, Palmeiras, São Jacinto, Vila Barreiros, Bela Vista, São Cristóvão, região da Unipac e outros. O centro da cidade também foi bastante afetado, em algumas lojas chegaram a entrar água, uma placa caiu sobre um veículo que passava pela avenida Getúlio Vargas, mas felizmente os ocupantes não se feriram.

Ainda na noite de segunda-feira (21) o Prefeito Daniel Sucupira convocou a equipe de governo e representantes dos órgãos que integram o gabinete de gerenciamento de crise para uma reunião estratégica e de balanço dos danos causados pelas fortes ventanias e chuvas de granizo. Foram registradas cerca de 50 ocorrências, incluindo pontos de alagamentos, riscos de desabamento e quedas de árvores que obstruíram vias. A Defesa Civil e as secretarias de Serviços Urbanos, Saúde, Meio Ambiente, Assistência Social e Agropecuária, entre outros setores, estão atuando no atendimento das emergências, na desobstrução das ruas e permanecem de prontidão.

A administração municipal decretou estado de emergência

O tenente Alonso do Corpo de Bombeiros participou da reunião e orienta as pessoas que moram em área de risco, com relevo mais acidentado, que fiquem atentos a alguns sinais como: postes e árvores inclinados, alguma porta que apresente dificuldade para fechar, trincas, rachaduras. “Tudo isso pode indicar movimentação de massa, então as pessoas tem que abandonar imediatamente sua residência, acionar o Corpo de Bombeiros ou a Defesa Civil, para que possamos realizar vistoria e assegurar se realmente é seguro retornar ao local”, alertou.

O secretário de planejamento, Tarcirlei Marinielo de Brito disse que dividiu suas equipes, distribuíram as tarefas e ia somar forças com a secretaria de Meio Ambiente, secretaria de Agropecuária, Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar.

Até o Hospital Raimundo Gobira foi afetado pelas fortes chuvas. Água descia pelas lâmpadas colocando em risco funcionários e internos, mas, segundo nota da prefeitura à imprensa, “todas as medidas necessárias estão sendo adotadas, e os pacientes que precisaram ser realocados já foram acomodados confortavelmente”. E em vários pontos da cidade tiveram quedas de grandes árvores, inclusive uma caiu ao lado da PRF, outras em vários bairros, algumas sobre fios, e por esse e outros motivos, boa parte da população ficou sem energia elétrica por várias horas. A Cemig ainda trabalha bastante para restabelecer a energia em sua totalidade, e emitiu nota à imprensa:

Nota da Cemig – “A Cemig informa que a falta de energia iniciada na noite de ontem (21/8) e que afetou as cidades de Nanuque, Serra dos Aimorés, Carlos Chagas, Novo Oriente de Minas, Ouro Verde de Minas, Pavão e Ataléia, foi causada pela tempestade acompanhada de fortes ventos de até 75 Km/h que atingiram a região. Devido ao evento climático, houve curto-circuito e consequente rompimento dos cabos da linha de distribuição Teófilo Otoni – Nanuque.

Assim que identificou o problema, a Cemig mobilizou equipes para o atendimento via circuito alternativo e, às 22h30, grande parte dos clientes afetados já estavam com o serviço restabelecido após a transferência das cargas. Contudo, devido à continuidade da tempestade, que permanecia com ventos muito fortes e grande quantidade de descargas atmosféricas, uma nova ocorrência atingiu, desta vez, o circuito que havia recebido as cargas daqueles municípios, provocando nova falta de energia para os clientes da região.

Os trabalhos continuaram durante toda a madrugada, quando foi possível restabelecer o fornecimento para as cidades de Pavão, Novo Oriente de Minas, Ataléia e Ouro Verde de Minas. Durante a manhã de hoje (22/8), os reparos foram concluídos e, neste momento, a grande maioria dos clientes afetados já teve a energia restabelecida, restando algumas unidades em áreas rurais de Carlos Chagas, Ataleia e Teófilo Otoni. A previsão para restabelecimento destes clientes ainda afetados é até o fim da manhã de hoje”.

Defesa Civil tem número de celular para atendimento à população – Com o objetivo de atender prontamente em caso de ocorrências no município, a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil tem um canal de comunicação para contato mais direto com a população, se ocorrerem deslizamentos, rachaduras, desabamentos. Os teofilootonenses podem entrar em contato pelo WhatsApp, através do número (33) 98854-6946. O WhatsApp recebe ligações telefônicas e mensagens de áudio, além de mensagens de texto, vídeos e fotos. A principal função do canal é ampliar o contato com o cidadão e promover um atendimento qualificado para cada tipo de ocorrência. (Fotos: Welington Pedroso e Divulgação).

Imagens de alguns danos causados pelas fortes chuvas que caíram na noite de segunda-feira (21/8) em Teófilo Otoni


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui