Polícia Civil prende suspeito de praticar feminicídio em Jordânia

0
640
PMTO IPTU - 728x90


A Polícia Civil de Minas Gerais, por meio da 17ª Delegacia de Jacinto, prendeu, na quarta-feira (03/08), um homem, de 48 anos, em cumprimento a mandado de prisão preventiva na cidade de Jordânia, região do Jequitinhonha. A vítima foi encontrada inconsciente por terceiros dentro de sua residência, no dia 29 de junho, sendo socorrida e encaminhada para o hospital local, e após atendimento, constatou-se que se encontrava em estado de coma, devido a um grave trauma que havia sofrido na cabeça. Após quatro dias do ocorrido, a vítima não resistiu e acabou falecendo.

Tendo tomado conhecimento da existência de histórico de violência doméstica que envolvia o casal, a Polícia Civil determinou que o corpo fosse encaminhado ao Instituto Médico Legal para realização do exame de necropsia, e instaurou o inquérito policial para apuração dos fatos. Nas investigações, foi apurado que o homem praticava agressões físicas contra a mulher dentro de casa constantemente e que, no dia dos fatos, teria havido uma discussão entre o casal, tendo ele agredido a vítima com um instrumento contundente, tendo ela desfalecido.

A Polícia Civil representou pela decretação da prisão preventiva do suspeito, que foi deferida pelo Poder Judiciário, após manifestação favorável do Ministério Público, sendo a ordem judicial cumprida nesta quarta-feira. O preso foi encaminhado ao Departamento Penitenciário (DEPEN/MG) em Jacinto, onde permaneceu à disposição da justiça. O inquérito policial será concluído e remetido à justiça nos próximos dias. (Informações/Foto: PCMG, dr. Thiago de Carvalho Passos).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui