Polícia Civil prende homem por praticar abusos sexuais em Santa Helena de Minas

0
1216
Copasa - 728x90


A Polícia Civil conseguiu autorização judicial para divulgar a imagem do denunciado

Momento da chegada do denunciado na delegacia de Polícia Civil em
Teófilo Otoni (Imagem cedida por: Victor Couy)

A Polícia Civil de Minas Gerais, por meio da delegacia de Águas Formosas, cumpriu nessa quarta-feira (21/07), mandado de prisão preventiva contra Augustinho Cipriano, de 57 anos, alcunha “Aguigo”, indivíduo que se apresentava como missionário em Santa Helena de Minas, município pertencente àquela comarca. Segundo a PC, consta, que o investigado, já agora denunciado, vinha praticando atos libidinosos com crianças e adolescentes, mas somente nesse mês, uma das vítimas procurou atendimento e providências ao relatar os abusos que vinha sofrendo.

A delegada que está à frente das investigações, dra. Hérika Ribeiro Sena, destaca que, “dessa forma, surgiram outras vítimas, inclusive adultos, que relataram situações semelhantes, mas só procuraram a ajuda policial após comentários no pequeno e sofrido município”. Após as investigações, a dra. Hérika, uma das autoridades policiais que tem cooperado para o bom desempenho e andamento da Delegacia de Águas Formosas, representou pela prisão preventiva do autor, que foi denunciado pelo Ministério Público, e teve a prisão decretada pelo MM. Juiz de Direito da comarca.

A elucidação dos fatos e diligência contaram com a participação dos policiais civis Emerson José Guilherme, Gabriel Messias Cordeiro Figueiredo, Jovan Almeida da Conceição e Letícia Mascarenhas de Oliveira Gonçalves. A delegada informa que solicitou autorização judicial para a divulgação da imagem do investigado, para possível reconhecimento de outras vítimas, aguardou o parecer do representante do Ministério Público e anuência do magistrado, e o pedido foi deferido neste mesmo dia, por volta das 18h. O denunciado veio de Roraima há 20 anos, e estava na cidade como missionário.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui