Fortes chuvas voltam a causar estragos em vários bairros de Teófilo Otoni

0
414

Várias ruas, casas, escolas e estabelecimentos comerciais foram invadidos por água e lama

Alagamento próximo à Rodoviária de Teófilo Otoni

As fortes chuvas que caíram em Teófilo Otoni, na madrugada e manhã desta quinta-feira (8/2), voltaram a causar grandes estragos em vários bairros da cidade, sobretudo, em alguns pontos que já são crônicos, como os bairros Marajoara, Grão Pará, Palmeiras, São Jacinto, Vila Barreiros, Jardim São Paulo, Bela Vista, São Cristóvão, região da Unipac e outros, além da região próxima à rodoviária, área central da cidade. Várias ruas, casas, estabelecimentos comerciais e escolas foram invadidos por água, lama e entulhos. A principal causa seria o volume de água que chegou ao ponto máximo de recepção rio Todos os Santos, e retornou às ruas e outros logradouros, alagando casas, comércios, escolas, enfim, foi um verdadeiro caos, que poderá continuar já que ainda estamos na área de riscos.

Ocorreram quedas de árvores em alguns bairros, falta de energia elétrica, queda de barreiras, situação que causou medo, prejuízos, e muita preocupação à população e aos órgãos de defesa social. Fato de extrema preocupação aconteceu na Escola Moreira Caldas, região no bairro Olga Correia, onde muitos alunos tiveram que ser retirados às pressas, alguns subiram em carteiras, se desesperaram, muitos foram retirados nas costas por vários voluntários, mas felizmente, todos foram resgatados sem lesões.

Fatos dessa natureza já são recorrentes na região do bairro Olga Correia. Praticamente com qualquer volume de chuvas, já fica totalmente alagada. Quem percorreu as ruas durante as fortes chuvas, que começaram por volta das 5h da manhã, puderam ver carros e motos quase todos cobertos por água, pessoas retirando água e lama de dentro de casa, momentos de desespero. O rio Todos os Santos transbordou na região do bairro Castro Pires. Algumas pessoas ainda tentavam se recuperar dos estragos causados no dia 28/1, quando também caíram as chuvas da mesma proporção.

Equipes da prefeitura, Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Cemig, estão trabalhando bastante para amenizar os estragos e orientar a população sobre os cuidados básicos que devem tomar durante as chuvas. A prefeitura emitiu nota informando que:desde o início desta quinta-feira (8/2), as equipes da prefeitura se mobilizaram em uma força-tarefa para minimizar as consequências da chuva que atingiu o município. Entre as medidas tomadas, estão serviços como vistoria de residências e desobstrução e limpeza das vias afetadas. Segundo a Defesa Civil, foram registrados 100 mm de chuva na cidade”.

Assistência Social divulga relatório de atendimentos nesta quinta-feira (8/2):

18 famílias atendidas (46 pessoas); 2 famílias desabrigadas (5 pessoas); 16 famílias desalojadas (41 pessoas);

11 alugueis sociais liberados: adultos de 18 a 59 anos (29 pessoas); Idosos 60+ (8); Jovens de 12 a 17 anos (4); Crianças de 0 a 6 anos (5); Gestante ou nutriz (1); Pessoas com deficiência (3 pessoas).

Em caso de deslizamentos, desabamentos, alagamentos e rachaduras, ligue para a Defesa Civil Municipal: (33) 98854-6946 / Emergência Corpo de Bombeiros: ligue 193. (Imagens: divulgação).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui